Pedagogia e Didáctica

Dados

  • Código: CEVM 3.2
  • ECTS: 5
  • Área curricular: Competências e Estilo de Vida Ministerial
  • Nível: Médio
  • Ano/Semestre: terceiro ano, segundo semestre
  • Precedências obrigatórias: nenhuma
  • Professor Titular: Rubens Luz
  • Língua: Português

Descrição de Disciplina

Uma abordagem ao ensino em três secções.
1. Introdução aos fundamentos de uma filosofia de ensino cristão incluindo debate sobre o que é ensino, qual é o seu alvo principal, o papel do professor e de Deus e as características do aluno através de teorias de aprendizagem e estilos de aprendizagem.
2. Fundamentada nesta filosofia, apresentam-se princípios globais de ensino-aprendizagem e abordagens diferentes do ensino.
3. Apresentam-se também as funções executivas de ensino incluindo o processo de planificação, a criação do ambiente propício para aprendizagem, a motivação, a gestão na sala de aula e a avaliação.

Grande Finalidade

A finalidade principal de Pedagogia e Didáctica é que o aluno seja capaz de ensinar, em particular a Bíblia, em contextos diferentes para efetuar transformação positiva nos seus alunos.

Finalidades

Conhecimentos (SABER):

  • Compreender o que é ensino-aprendizagem, o que é ensino cristão, o seu alvo global, e o papel do professor, do aluno e de Deus no processo.
  • Compreender e aplicar as teorias de aprendizagem mais importantes e ensinar em consideração dos estilos diferentes de aprendizagem.

Aptidões e capacidades (SABER FAZER)

  • Ser capaz de cumprir as funções executivas necessárias para que aprendizagem aconteça, especificamente:
    • planificar tanto no nível curricular como no nível de um plano de lição.
    • criar um ambiente propício à aprendizagem.
    • motivar os alunos.
    • manter disciplina na sala de aula.
    • avaliar a aprendizagem dos alunos e a situação pedagógica.
  • Ser capaz de ensinar, especificamente:
    • aplicar ao seu ensino os princípios gerais de aprendizagem;
    • escolher (contextualização) e usar eficazmente a abordagem de ensino mais indicada para um contexto.

Valores e hábitos (SABER SER/ESTAR)

  • Desejar crescer nas suas habilidades como professor, tanto em contextos formais como em contextos informais.

Conteúdos

Fundamentos

  • O que é ensino
  • O alvo de ensino
  • O professor (estilo e responsabilidades)
  • Deus
  • O aluno (teorias e estilos de aprendizagem)

Funções executivas

  • Planificação (finalidades, plano de lição, unidades curriculares)
  • Criar o ambiente
  • Motivar
  • Gerir comportamento
  • Avaliar a aprendizagem

Três abordagens

  • Professor como central (ensino directo)
  • Aluno como central (ensino indirecto)
  • Comunidade como central

Princípios de ensino-aprendizagem

  • Aprendizagem activa e experiencial
  • Perguntas e discussão
  • Pensar e não apenas decorar
  • Modelagem e socialização
  • Aprendizagem cooperativa

Filosofia Educacional

Esta disciplina tem como propósito principal o desenvolvimento de habilidades na área de ensino. Sendo assim, vai exigir que o aluno pratique estas habilidades com input do professor. O processo normal seria o seguinte: 1) leituras optativas que explicam o processo ou conceito; 2) explicação e aprofundamento na aula do conceito ou habilidade; 3) prática/treino na aula do processo ou aplicação de um conceito; e 4) mais prática/treino individual na sua oportunidade para o ensino fora da aula.
No desenvolvimento destas habilidades, outro aspecto pedagógico importante é o domínio de certos conceitos e informações fundamentais. Esta matéria essencial será revista e testada para ajudar o aluno a domina-la e aplica-la.
Vamos aproveitar a plataforma do Teófilos como apoio para a nossa disciplina. Eis aqui algumas das coisas que serão efectuadas lá: submeter trabalhos, fazer testes, ver notas, receber documentos, entre outras. Será importante que o aluno tenha acesso regular à internet.

Atividades de Aprendizagem e Formas de Avaliação

  • Teste, meio semestre
  • Teste final
  • Plano de lição 1
  • Avaliação da primeira lição dada
  • Plano de lição 2
  • Avaliação da segunda lição dada
  • Exercícios de Aplicação (5)
  • Projecto

Leituras e Outros Recursos Principais

  • ARENDS, Richard I. Aprender a Ensinar. Trad. Maria João Alvarez et. Al. Lisboa: McGraw-Hill, 1995.
  • FORD, LeRoy. Planejamento do Ensino e Treinamento. Rio de Janeiro: JUERP, 1991.
  • GANGEL, Kenneth O. e HENDRICKS, Howard G. eds. Manual de Ensino para o Educador Cristão. (The Christian Educator’s Handbook on Teaching) Trad. Luís Aron de Macedo. Rio de Janeiro: Casa Publicadora de Assembléias de Deus, 1999.
  • HENDRICKS, Howard. Ensinando para Transformar Vidas. (Teaching to change lives). Trad. Myrian Talitha Lins. Venda Nova, MG: Editora Betânia, 1987.
  • MARQUES, Ramiro. A Arte de Ensinar: Dos Clássicos aos Modelos Pedagógicos Contemporâneos. Lisboa, Plátano, 1998.
  • MARQUES, Ramiro. Dicionário Breve de Pedagogia. Lisboa: Editorial Presença, 2000.
  • NÉRICI, Imídeo G. Metodologia do Ensino. 4ª ed. São Paulo: Editora Atlas, 1992.
  • ROLDÃO, M. d. C. (2004). Gestão do currículo e avaliação de competências. (2ª ed.). Barcarena: Editora Presença, 2004.
  • RICHARDS, Lawrence O. Teologia da Educação Cristã. 3ª ed. (A Theology of Christian Education) Trad. Hans Udo Fuchs. São Paulo: Edições Vida Nova, 1975/1996.
  • SPRINTHALL, Norman A. e Richard C. (1993). Psicologia Educacional: Uma Abordagem Desenvolvimentista. (Educational Psychology — A Developmental Approach, fifth ed.) Trad. S Bahla, A M Pinto, J Moreira, M Rafael. Lisboa: McGraw-Hill, 1993.
  • WILKINSON, Bruce. As 7 leis do Aprendizado. (The 7 laws of the learner) Trad. Eros Pasquini. Venda Nova: Editora Betânia, 1998.

Avenida Dr. António Correia de Sá, 36 r/c, Monte Abraão | 2745-241 Queluz
Telefone: 214 373 036 | Telemóvel: 968 017 651 | E-mail: geral@seminariobaptista.com.pt